DESACELERAÇÃO DO CONSUMO

Aproveitando a oferta de crédito oferecida aos brasileiros, principalmente aqueles que fazem parte da classe C, muitos consumidores chegaram ao limite de sua capacidade de pagamento enquanto outros já estão inadimplentes. Os meses de março e abril atingiram taxas de inadimplência que não se viam desde junho de 2000, acumulando altas crescentes. O governo aplica medidas para tentar barrar a desaceleração do consumo como é o caso da diminuição do spread bancário buscando incentivar o crédito. A tendencia é que estas medidas levem tempo até surtir efeito, principalmente se a renda da população não mantiver crescimento. Especialistas apontam que estamos passando por uma fase em que os consumidores endividados buscam se organizar e possibilitar o aumento de sua capacidade de endividamento. Até que isto aconteça, através de renegociações e possibilidade de empréstimos mais longos e com juros mais baixos, enfrentaremos um período de desaceleração da economia. Cabe ao profissional de marketing entender o período pelo qual passamos e buscar nas dificuldades as oportunidades de crescimento.

 

O pessimista vê dificuldade em cada oportunidade; o otimista vê oportunidade em cada dificuldade.”

 (Winston Churchill)

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s